BLOG ACHE PEÇAS

PRECISANDO DE PORTA DE CARRO? VEJA AQUI COMO ENCONTRAR A PEÇA IDEAL!

Muita gente passa por isso alguma vez na vida, infelizmente. Você está no seu carro, tranquilamente, e então ouve um barulho do lado do veículo.

Sim, alguém bateu em você.

Salvo qualquer dano físico para os ocupantes – esperamos que esteja tudo bem – e os danos ao veículo?

É preciso dizer que quando o carro está na garantia, a solução é levá-lo a uma concessionária, que se encarregará de substituir as peças danificadas e executar os serviços de reparo adicionais.

E então, lá vem o mecânico dizendo “você vai precisar de uma porta nova”. 

Porta de carro – Por que substituir as peças danificadas ao invés de arrumá-las?

Pode parecer estranho, mas muitas vezes, a solução para uma batida de porta de carro é substituí-la, não desamassá-la.

Assim sendo, apenas casos em que os danos são superficiais ou de pouca monta é que um latoeiro vai tentar desamassar a lataria.

Dessa forma, um bom profissional do tipo “martelinho de ouro” faz maravilhas e vai resolver seu problema por um preço módico.

Contudo, lembre-se que por dentro da porta há uma série de mecanismos responsáveis pelo vidro (seja ele elétrico ou não) e air-bags e, acima de tudo, existem as barras de segurança, idealizadas para proteger os ocupantes em caso de colisão lateral. 

…Os contras

  • Você poderá ter uma dor de cabeça enorme com trilhos do vidro desalinhados, por exemplo. Você aperta o botão, o vidro não sobe, queima o motor de acionamento… Vichi! Por isso um bom mecânico é essencial.
  • Vale a pena arrumar, meter massa e depois ficar que nem louco dançando ao redor do carro para ver se a pintura ficou boa? Olhando de diferentes ângulos, na sombra, no sol, acende lanterna, desliga lanterna… 
  • Será que passa no teste do ruído? Lembre-se de arrumar por fora é uma coisa, mas os mecanismos internos, como já citados, continuam ali. Os tais trilhos de vidro desalinhados podem dar uma dor de cabeça do cão. 
  • E o teste da chuva? Quando a porta é colocada no seu veículo, lá na fábrica, o trabalho é meticuloso. As vedações são perfeitas de tal modo que, se chover, não entra um pingo. Mas se o serviço do seu mecânico não for dos melhores, prepare-se que vai entrar água. 

E se estamos falando de preço…

Há um problema que não pode ser desamassado em porta de carro, após acidente: as tais barras de proteção.

Elas foram projetadas para preservar a segurança dos ocupantes, de tal modo que estão nas portas para dobrarem-se com o choque, de forma controlada, e cederem a colisão. 

Ou seja, podem evitar que um ocupante se machuque seriamente e até salvar vidas.
Todavia, essas barras – presentes em outros locais do veículo também – não podem ser reutilizadas.

Foram projetadas para amassarem-se uma única vez e depois serem substituídas.

Portanto, se alguém tentar desamassar essas barras apenas para preservar sua função estrutural, vai cometer uma falha grave, pois elas perdem suas propriedades mecânicas de dobramento e escoamento de material e nunca voltam a ser o que eram após o esforço abrupto de um choque.

Por que um item de segurança danificado tem que ser substituído?

Estudos de engenharia de resistência dos materiais e metalurgia mostram que as propriedades mecânicas dos materiais mudam quando uma peça é submetida à fadiga, esforços intensos, mudanças acentuadas de temperatura etc.

Assim, uma barra soldada, por exemplo, mesmo que a solda fique perfeita e sua resistência seja comprovada, não se pode dizer o mesmo da região próxima à solda.

É que a temperatura vai provocar mudanças de dureza e elasticidade do metal, por exemplo, que pode se tornar mais quebradiço ou apresentar microtrincas, que poderão evoluir para quebras.

Ou então, um metal esticado, de forma a exceder seu limite elástico, escoará, sofrendo deformação plástica, não retornando mais às dimensões iniciais.

Concluindo, as propriedades mecânicas são alteradas e não tem martelinho de ouro que resolva.

Aí, é substituir a porta, mesmo!

Uma vez dei ré com meu carro, modelo hatch, e encostei numa árvore fininha que fez um amassado na porta do meu porta-malas. Era uma coisinha pequena, bem no vinco, mas o mecânico condenou a porta toda.

Era exatamente nessa região da lataria que ficava a barra de proteção.

Afinal, se a porta não fosse toda trocada, um outro acidente que porventura ocorresse na traseira provocaria uma deformação muito pior, podendo causar sérios danos à estrutura do veículo.

“Você pode arriscar ou não”, ele disse.

Como não é uma boa política acreditar na sorte, quando se trata da segurança de minha família, troquei a porta. 

Troca de porta de carro. A opinião de um especialista é fundamental

Se você levou seu carro a um mecânico de confiança, acredite, ele sabe do que está falando.

É então que entra a Ache Peças. Aqui você pode encontrar portas seminovas para carros de todos os tipos, pois veículos que se meteram em acidentes e foram parar no ferro velho, podem ter as peças boas reaproveitadas, e elas são muito mais baratas que as adquiridas na concessionária.

Em conclusão, se os danos foram na parte da frente, por exemplo, as portas ficaram intactas e podem ser reutilizadas, sem qualquer problema.

Ligue para a Ache Peças que, se eles não tiverem a peça para pronta-entrega, vão achar para você. 

LEIA TAMBÉM...

Solicite seu orçamento agora mesmo!

CONTATO

(47) 3434-6042

WHATSAPP

(47) 9.9986-8855

E-MAIL

contato@achepecas.net

ENDEREÇO

R. Victor Kursancew, 284 - Costa e Silva, Joinville - SC, 89218-400